Em 14/08/2014 às 15h44


Laís marca três, Sub-17 vence o Botafogo e levanta o tetra

Por: Vasco.com.br

Vascaínas festejam tetracampeonato da Taça Nova Iguaçu sub-17- Foto: Carlos Gregório Jr - Vasco.com.br

Dever cumprido. Esse foi o sentimento das Meninas do Sub-17 ao levantarem o tetracampeonato da Taça Cidade de Nova Iguaçu. O melhor time da competição venceu o Botafogo por 3 a 2 e faturou o caneco, na manhã deste sábado (5), em Nova Iguaçu. A atacante Laís Veloso marcou os três gols do time da Colina.

O jogo teve cara de final. Com o começo bastante nervoso, com erros para os dois lados, o Botafogo abriu o placar com Fernanda, em cobrança de falta. A partir daí, o Vasco começou a dominar as ações e, após desperdiçar duas boas chances, o empate saiu. Laís Veloso recebeu dentro da área e encheu o pé direito para igualar o placar. Antes do final do primeiro tempo, Paulinha ainda acertou o travessão. Com boas opções pelas laterais, com Rafaela e Esquerdinha, o Gigante conseguiu conter bem os ataques do Botafogo.

Treinador Anthony Menezes orienta atacante Paulinha - Foto: Rener Pinheiro - Vasco.com.br

No segundo tempo, as meias Bia Garrido e Stephanie entraram no jogo e o Vasco melhorou. Com dores no ombro, a lateral Esquerdinha deu lugar a meia Letícia. Depois de duas boas chegadas, o técnico Antony Menezes pediu para Paulinha buscar mais a partida. A atacante recuou um pouco e começou a trabalhar bem com as meias. No primeiro lance, a camisa 7 deu excelente passe para Laís. Ela driblou a goleira e teve calma para colocar por debaixo das pernas da zagueira e virar o placar. Poucos minutos depois, mais uma vez Paulinha lançou Laís por trás da zaga alvinegra. A artilheira da final só teve o trabalho de encobrir a goleira e comemorar o que seria o gol do título.

Laís Veloso toca por cima da goleira e marca o terceiro do Vasco- Foto: Rener Pinheiro - Vasco.com.br

Ronaldinha saiu para a entrada de Thatiely, como maneira de fechar a zaga. Mas a partida ainda reservava emoções. Em cobrança de escanteio e confusão na área, o Botafogo diminui e percebeu que ainda dava para empatar a decisão, faltando dez minutos para o apito final. No último lance do jogo, em distração da zaga vascaína, o time alvinegro perdeu uma chance inacreditável. Como disse Antony, foi sorte de campeão. De um time que tem predestinação para vencer. Com a chance perdida, veio o apito do árbitro. Vascaínas campeãs. Tetracampeãs. E a certeza que essa família começou a construir sua história nas páginas do Vasco.

Escalação do Vasco: Julia Nobre, Rafaela Bastos, Larissa Araújo, Kelly e Esquerdinha (Letícia); Thayla Sousa, Beatriz Garrido e Sthephanie Silva; Paulinha, Laís Veloso e Ronaldinha (Thatiely). Reserva: Mayara, Andressa Cunha, Brenda Farias, Khathyn e Thayane Higino. Técnico: Anthony Menezes. Preparador Físico: Luí Toledo. Preparador de Goleiras: Tiago Nunes.Supervisores: Paulo Neves e Mário Alexander. Diretores: Tadeu Correia e Ademir de Oliveira.

Laís Veloso festeja um dos seus três gols no clássico- Foto: Rener Pinheiro - Vasco.com.br

Anthony Menezes e Luí Toledo- Foto: Carlos Gregório Jr - Vasco.com.br

Thayla Sousa e Ronaldinha- Foto: Carlos Gregório Jr - Vasco.com.br

Sthephanie Silva e Khathyn- Foto: Carlos Gregório Jr - Vasco.com.br

Atletas puxaram o "Casaca" no final da partida- Foto: Carlos Gregório Jr - Vasco.com.br

Brenda Farias ao lado do pai Paulo BalbiFoto: Carlos Gregório Jr - Vasco.com.br

Equipe feminina sub-17 do Vasco da Gama- Foto: Carlos Gregório Jr - Vasco.com.br

Comente essa notícia

Videos

Rolé no Rio - Leandro Castan

desenvolvido por: