Em 27/06/2017 às 16h40


Piscina olímpica do Vasco será reinaugurada

Por: Assessoria de Imprensa

O Vasco reinaugura na próxima sexta-feira (30), às 11 horas, a sua piscina olímpica marcando o inicio da utilização pelos paratletas e atletas do clube  com o novo e moderno sistema de filtragem e aquecimento e assim como dos blocos de partidas, adquiridos com recursos do Edital nº 05/2015, através do Convênio nº 62, assinado com o Comitê Brasileiro de Clubes – CBC . 
 
Abandonado na gestão passada, o Parque Aquático do Vasco foi construído na década de 50 e sua piscina principal baseada no modelo usado  nos Jogos Olímpicos de 1952, em Helsinque, na Finlândia. Entre torneios nacionais e internacionais disputados no Vasco destacam-se uma etapa da Copa do Mundo de Natação em 1998 e o Pré-Olímpico de Polo Aquático em 2004.

A reforma foi possível graças ao convênio entre o Vasco e o CBC no Edital   05/2015, que garantiu recursos  de R$2.898.670,71 , sendo quase um milhão de reais para a recuperação e novos equipamentos para a piscina,  base da natação paralímpica do clube.

Na solenidade estarão presentes o presidente do Vasco, Eurico Miranda, o presidente do CBC, Jair Alfredo Pereira, além de representantes da natação brasileira e a diretoria do clube. Atletas paralimpicos farão uma exibição de 200 metros medley.

O PARQUE AQUÁTICO 

A primeira fase de recuperação do Parque Aquático incluiu a reforma da piscina olímpica, a da piscina de saltos e das piscinas auxiliares, além de dois vestiários.

O convênio 62 do Edital 05/2015 assinado com o CBC proporcionou ao Vasco recursos de R$2.898.670,71, com investimentos nos seguintes setores:

- Aquisição de novos barcos  e remos para a modalidade Remo;
- Aquisição de sistema de filtragem automatizado para piscina olímpica;
- Aquisição de sistema de aquecimento para piscina olímpica;
- Aquisição de blocos de partida (total de 28) para utilização na piscina montada tanto para 50m, quanto para 25m;
- Aquisição de equipamentos de fisioterapia para os atletas paralímpicos;

Valor total do investimento para o Remo: R$ 1.899.013,92; valor executado após o processo de licitação R$ 1.872.737,17

Valor total de investimento para a Natação Paralímpica: R$ 999.656,79; valor executado após o processo de licitação R$ 979.575,00

Valor economizado com o processo de Licitação: R$ 46.358,54

O valor investido com recursos repassados pelo Comitê Brasileiro de Clubes possibilitou a compra dos modernos equipamentos de filtragem e aquecimento. Além disso, em obras prévias para a instalação desses sistemas e reformas nos vestiários e entorno das piscinas, o Vasco investiu cerca de quatrocentos mil reais em recursos próprios.

Além de servir prioritariamente a equipe paralímpica do Vasco, a piscina também atenderá aos atletas olímpicos da natação do clube. As obras de recuperação total do Parque Aquático continuarão até o fim do ano, quando estarão plenamente recuperadas as arquibancadas, valorizando o patrimônio e resgatando o papel histórico do clube na natação.

Comente essa notícia

Videos

Desafio do Boliche em Atibaia (SP)

desenvolvido por: