Em 23/06/2017 às 12h31


Há 60 anos, Vasco aplicava 7 a 2 no Barcelona em jogo histórico

Em 23 de junho de 1957, Gigante da Colina aplicou uma das maiores goleadas sofridas pelo time espanho em sua história

Por: Centro de Memória do CR Vasco da Gama

Há 60 anos, no dia 23 de junho de 1957, o Vasco aplicava uma das maiores goleadas internacionais já sofridas pelo Futbol Club Barcelona em sua história. Para o desespero dos barcelonistas, com três gols de Laerte, dois de Vavá, um de Válter e outro de Wilson Moreira, o Gigante da Colina aplicou um verdadeiro chocolate na Catalunha e venceu os culés por 7 a 2, em pleno Les Cortes, a casa do Barcelona antes do Camp Nou.


image
Estádio Les Corts - Sem data

O Barcelona era o atual campeão da Copa do Rei (1957), conquistaria a Taça das Cidades com Feiras em 1958 e 1960 (precursora da Copa da UEFA, atual Liga Europa da UEFA) e se sagraria campeão espanhol na temporada 1958/1959. No ataque do "Barça" estava um jogador bastante conhecido do público brasileiro: Evaristo de Macedo, que atuou por clubes como Madureira, Flamengo e Real Madrid, além da Seleção Brasileira. Evaristo, que até os dias atuais é um dos maiores artilheiros da história do Barcelona, pôde "sentir da pele" as consequências de uma das maiores apresentações do Vasco em território Europeu.


image

Equipe do FC Barcelona campeã da Copa do Rei de 1957. Da esquerda para a direita, (em pé): Ramallets, Olivella, Brugué, Balmanyá (treinador), Segarra, Gensana, Vergés e goleiro reserva; (agachados): Basora, Villaverde, Martinez, Kubala e Sampedro.

O Vasco não tomou conhecimento do poderio azul-grená. Após derrotarem o Real Madrid na final do Torneio de Paris, conquistarem o Troféu Teresa Herrera em cima do Athletic Bilbao e vencerem o Valência, os Cavaleiros da Cruz de Malta varreram a equipe do Barcelona. A façanha dos comandados do técnico Martim Francisco fez com que a própria imprensa da Espanha colocasse em xeque a qualidade do futebol espanhol.


image

"El Vasco da Gama vencio con una facilidad que deja en entredicho el valor real de nuestro futbol" – Vida Deportiva, 24 de junho de 1957

 
image

Capa da revista El Once que retrata os jogadores vascaínos, com esteriótipos raciais, ensinando os jogadores do
Barcelona a arte de jogar futebol


image

Vê-se um lance do histórico embate entre Vasco e Barcelona


image

Mundo Deportivo, 24/06/1957


image

Manchete do Jornal dos Sports, 25/06/1957


A sequência de resultados positivos da excursão do Vasco em 1957 abrilhantava a imagem do clube perante a mídia internacional. O Gigante da Colina era apontado pelos europeus como o grande representante do futebol brasileiro. A qualidade técnica dos nossos jogadores era vista como algo excepcional e demonstrava que o Vasco estava na vanguarda do futebol.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

Partida: Club de Regatas Vasco da Gama 7x2 Futbol Club Barcelona - (Noturna)
Evento: Amistoso Internacional
Data: 23 de junho de 1957 - (Domingo)
Local: Estádio Les Corts – Barcelona (Catalunha)/ESP

CR Vasco da Gama:
Carlos Alberto; Dario, Viana, Orlando e Ortunho; Laerte e Válter; Sabará, Livinho, Vavá e Pinga.
Técnico: Martim Francisco

Futbol Club Barcelona:
Ramallets; Olivella, Brugué (Rodrí), Segarra, Flotats, Vergés (Gracía), Basora (Tejada), Villaverde, Martínez, Evaristo e González.
Técnico: Doménec Balamanyá

Gols:
1º Tempo – Laerte (3’), Vavá (6’) e Laerte (11’);
2º Tempo – Vavá (6’), Villaverde (BAR-10’), Laerte (27’), Válter (35’), Martínez (36’) e Wilson Moreira.

Árbitro: Gómez Contreras (Espanha)


image
Os jogadores que marcaram na histórica partida entre o Vasco e o Barcelona

image
Súmula oficial da partida, produzida pelo Barcelona

Comente essa notícia

Videos

Bastidores | Vasco 2 x 0 São Paulo | Brasileirão 2018

desenvolvido por: