Em 28/03/2017 às 15h45


Isso é história! Compra de terreno de São Januário completa 92 anos

image
Grande Benemérito, Manoel Joaquim Pereira Ramos, então membro da comissão  para a compra do terreno do futuro estádio vascaíno, mostrando a área onde seria construído o Estádio Vasco da Gama

No dia 28 de março de 1925, o Vasco assinou uma escritura de compromisso de compra e venda de um terreno da Sociedade Anonyma Lameiro. Era uma área de 65.445 m², no bairro São Cristóvão, em local conhecido como "Chacrinha do Imperador", sendo a Rua São Januário uma das principais vias de acesso. O custo para adquiri-lo foi de 609:895$000 (Seiscentos e nove contos e oitocentos e noventa e cinco mil réis). Este foi o principal espaço adquirido para a construção do Estádio Vasco da Gama.

Os representantes do Vasco, no ato da assinatura, foram o presidente do clube, comendador Antonio de Almeida Pinho, proprietário da Fundição Progresso, e o primeiro diretor de esportes terrestres, Manoel Joaquim Pereira Ramos. A última prestação da compra foi liquidada no dia 06 de outubro, permitindo que os vascaínos realizassem a cerimônia de hasteamento do pavilhão do CR Vasco da Gama no dia 20 de dezembro daquele ano.

Comente essa notícia

Videos

Conheça o novo uniforme 1 do Vasco

desenvolvido por: