Em 15/10/2015 às 21h29


Vasco é prejudicado e empata com a Chapecoense no Maracanã

Por: Carlos Gregório Júnior

image
Nenê cobrou escanteio que resultou no gol de Rodrigo- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Na noite desta quinta-feira (15/10), no Maracanã, o Vasco enfrentou a Chapecoense pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Gigante da Colina saiu na frente com Rodrigo na metade do segundo tempo, mas sofreu um gol de pênalti nos minutos finais do duelo e viu a partida terminar empatada em 1 a 1.

O JOGO

Domínio vascaíno e poucas chances de gol. Essa foi a tônica do primeiro tempo no Maracanã. Precisando da vitória para ficar mais próximo de deixar a incômoda zona que se encontra no Campeonato Brasileiro, o Vasco sufocou a Chapecoense nos minutos iniciais. Com uma forte marcação, a equipe de São Januário não deu chances para o rival atacar.

Bem postado, o Gigante da Colina levou perigo pela primeira vez aos 11 minutos. Após Luan lançar a bola para a grande área, o camisa 10 chutou cruzado e só não balançou as redes devido a um corte providencial da zaga adversária. Na sequência, cobrança de escanteio, e testada de Rodrigo para boa defesa de Danilo. O Vasco voltou a assustar aos 17 minutos. Na oportunidade, Luan e Leandrão disputaram a bola no alto e viram o camisa 1 da Chape sair nos pés de Rodrigo para evitar o gol.


image
Leandrão disputa bola com defensor da Chapecoense

O cruzmaltino seguiu presente no campo de ataque, mas sem levar perigo. Após esbarrar diversas vezes na forte marcação do time catarinense, o Almirante tomou um susto. Nos derradeiros instantes do primeiro tempo, Ananias foi lançado nas costas de Bruno Ferreira e ficou cara a cara com Jordi. Para a felicidade do torcedores presentes no Maracanã, o prata da casa saiu nos pés do avançado rival e evitou o gol.

A etapa final começou de uma forma diferente, com a Chapecoense buscando o jogo. O visitante chegou a ter um gol de Túlio de Melo bem anulado aos 13 minutos. O lance serviu para acordar os comandados do treinador Jorginho, que por pouco, muito pouco, não abriram o placar aos 24 minutos. Nenê deixou Andrezinho cara a cara com Danilo e o viu chutar à direita da meta catarinense. Logo na sequência, Bruno Gallo tabelou com Leandrão e finalizou defesa do camisa 1 rival. Na cobrança de escanteio, cruzamento de Nenê e testada firme de Rodrigo no ângulo: VASCO 1 x 0.

image
Zagueiro Rodrigo comemora primeiro gol da partida

O time de São Januário seguiu atacando e, aos 29, Leandrão quase ampliou. O camisa 9 bateu cruzado e Danilo fez a intervenção. A Chapecoense respondeu aos 34 minutos, com Gil, mas apenas aos 39 minutos conseguiu balançar as redes de Jordi. O tento saiu através de um de pênalti, mal marcado pela arbitragem. Na cobrança, Bruno Rangel concluiu com perfeição: CHAPECOENSE 1 x 1. O Vasco se lançou ao ataque e chegou até a ter um pênalti ignorado momentos após o gol adversário, mas foi a equipe de Chapecó que ficou próximo de marcar, duas vezes com Camilo.

FICHA TÉCNICA

VASCO DA GAMA 1 X 1 CHAPECOENSE

30ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2015

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Auxiliares: Guilherme Dias Camilo (MG) e Marcio Eustaquis Santiago (MG)

Público total: 22.827 pagantes e 25.983 presentes Renda: 728, 635,00 reais

Gols: Rodrigo (26' do 2º tempo); Bruno Rangel (39' do 2º tempo).

Cartões amarelos: Danilo, William Thiego, Neto, Dener e Camilo (Chapecoense); Romarinho, Rodrigo e Herrera (Vasco).

VASCO: Jordi, Bruno Ferreira, Luan, Rodrigo e Júlio César; Bruno Gallo, Julio dos Santos (Diguinho), Andrezinho e Nenê; Herrera (Romarinho) e Leandrão (Riascos). Treinador: Jorginho.

CHAPECOENSE: Danilo, Apodi, William Thiego, Neto e Dener; Elicarlos, Cléber Santana, Camilo e Ananias (Gil); Maranhão (Tiago Luís) e Túlio de Melo (Bruno Rangel). Treinador: Guto Ferreira.

image
Romarinho em ação contra a Chapecoense- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Comente essa notícia

Videos

Bastidores | Vasco 2 x 0 São Paulo | Brasileirão 2018

desenvolvido por: