Em 16/09/2015 às 23h56


Rafael Silva brilha, mas Vasco é prejudicado e empata com o Cruzeiro

Arbitragem ignorou expulsão de Bruno Rodrigo, no primeiro tempo, e deixou de marcar um pênalti claro após toque de mão de Willians, na etapa final

Por: Carlos Gregório Júnior

Na noite desta quarta-feira (16/09), pela 26ª rodada do Brasileiro, o Vasco duelou com o Cruzeiro no Mineirão. O cruzmaltino não conseguiu manter sua sequência de vitórias, mas obteve um excelente resultado. O Gigante da Colina saiu na frente com Rafael Silva, sofreu a virada ainda no primeiro tempo, mas igualou o marcador novamente com o herói do título estadual.

Importante lembrar que o Vasco teve um pênalti ignorado aos 13 minutos do segundo tempo, quando Willians colocou a mão na bola dentro da grande área. Em ascensão, o time vascaíno volta a atuar no próximo domingo (20), às 16 horas, contra o Sport Recife. Os ingressos para a partida, que será realizada no Estádio Maracanã, começam a ser vendido nesta quinta-feira (17). Saiba como adquirir seu bilhete clicando aqui.

O JOGO

O Mineirão e o retrospecto recente contra o Cruzeiro em Belo Horizonte não intimidaram o Vasco nos primeiros minutos da partida. Foi o cruzmaltino que tomou a iniciativa. Logo aos três, Nenê cobrou escanteio e a zaga adversária afastou o perigo. O time da casa chegou a assustar aos cinco minutos, quando Marquinhos tabelou com o William e finalizou para grande defesa de Jordi, mas foi o Gigante da Colina que seguiu chegando com mais frequência ao campo de ataque.

image
Atacante Rafael Silva comemora o primeiro gol da partida- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Aos 14 minutos, Herrera foi derrubado na entrada da grande área. A falta batida por Rodrigo foi em cima da barreira e a bola acabou saindo para escanteio. Na cobrança, Nenê cruzou na direção do gol e quase surpreendeu Fábio. Após tanto tentar, o Vasco acabou sendo premiado aos 24 minutos. Após desvio de Herrera com a cabeça, Rafael Silva invadiu a área, ganhou dos marcadores e, após duas tentativas, venceu o goleiro Fábio: VASCO 1 x 0. Para a infelicidade dos vascaínos presentes em Belo Horizonte, a resposta cruzeirense foi imediata.

Aos 26 minutos, William recuperou a bola da defesa e acertou um bonito chute da intermediária, empatando assim a partida: CRUZEIRO 1 x 1. O gol empolgou a Raposa, que quase virou a partida aos 35. A forte cabeçada de Manoel foi defendida de forma espetacular por Jordi. Melhor em campo, o Cruzeiro passou à frente do placar aos 41 minutos, quando William ajeitou com o peito e Alisson ganhou de Luan antes de tocar com categoria na saída de Jordi: CRUZEIRO 2 x 1.

image
Nenê desperdiçou uma boa chance no início do segundo tempo

Na volta do intervalo, o Vasco foi com tudo em busca do empate, e logo aos 30 segundos desperdiçou uma grande chance. Após Herrera ser desarmado na entrada da grande área, a bola sobrou para Nenê. Mesmo estando cara a cara com Fábio, o camisa 10 chutou por cima do gol. Aos 13 minutos, o Gigante da Colina poderia ter igualado o marcador, mas a arbitragem ignorou um toque de mão de Willians e não marcou pênalti. No minuto seguinte, em rápido contra-ataque, Alisson cruzou e William testou para grande intervenção de Jordi.

Não foi só o camisa 1 cruzmaltino que trabalhou. Aos 20 minutos, Andrezinho cobrou falta na direção do gol e Fábio espalmou para escanteio. O cruzeiro respondeu na sequência com Arrascaeta. O uruguaio, porém, finalizou à esquerda da meta defendida por Jordi. Quem demonstrou competência mais uma vez foi Rafael Silva. Herói do título estadual, o atacante aproveitou cruzamento de Andrezinho e usou a cabeça para empatar a partida aos 35 minutos: VASCO 2 x 2.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 2 X 2 VASCO DA GAMA
Campeonato Brasileiro- 26ª rodada

Local: Estádio Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Auxiliares: Rogério Pablos Zanardo (SP) e Herman Brumel Vani (SP)
Gols: Rafael Silva (24’ do 1º tempo); William (26’ do 1º tempo); Alisson (41’ do 1º tempo); Rafael Silva (35' do 2º tempo).
Cartões amarelos: Vinícius Araújo, Henrique e Bruno Rodrigo (Cruzeiro); Serginho, Julio dos Santos e Rodrigo (Vasco)
Cartão vermelho: Julio dos Santos (Vasco)

VASCO: Jordi, Madson, Luan, Rodrigo e Julio César; Serginho (Renato Kayzer), Julio dos Santos, Bruno Gallo e Nenê (Andrezinho); Rafael Silva e Herrera (Thalles). Treinador: Jorginho.

CRUZEIRO:
Fábio, Ceará, Bruno Rodrigo (Paulo André), Manoel e Pará; Willians, Henrique, Ariel Cabral (Vinícius Araújo) e Alisson; Marquinhos (Arrascaeta) e Willian. Treinador: Mano Menezes.

image
Herrera e Bruno Gallo disputam bola com Willians- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Comente essa notícia

Videos

Bastidores | Fluminense 0 x 1 Vasco | Brasileirão 2018

desenvolvido por: