Em 01/07/2015 às 21h26


Biancucchi desencanta e Vasco vence o Avaí em São Januário

Argentino marcou um golaço na vitória vascaína em casa pelo Campeonato Brasileiro

Por: Matheus Alves

Pela 10º rodada do Campeonato Brasileiro de 2015, o Vasco venceu o Avaí por 1 a 0 em São Januário. O gol vascaíno foi de Emanuel Biancucchi, que pela primeira vez deixou sua marca com a camisa cruzmaltina. O resultado positivo garantiu mais três pontos para o Gigante da Colina na tabela. O próximo jogo da equipe será contra o Chapecoense, na Arenda Condá, às 21h, no sábado (04).

O JOGO

O Vasco começou o jogo com tudo, dominando as ações. Não demorou muito para o Gigante da Colina criar a primeira grande chance de perigo. Logo no primeiro minuto, Madson cobra um lateral nos pés de Riascos, que chutou muito forte para fora, levantando a torcida em São Januário. Antes dos 10 minutos, o árbitro ainda assinalou impedimento e anulou um gol de Jhon Cley. 

image
Emanuel Biancucchi marcou seu primeiro gol pelo Vasco - Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

O ritmo alucinante do time da casa foi diminuindo a  partir dos 15 minutos. O Avaí começou a buscar mais o ataque, mas sem grande perigo ao gol de Charles. Aos 24, Nino Paraíba até consegue fazer boa jogada pela direita, mas a zaga afasta qualquer chance de perigo para o Vasco. 

A partir dos 30 minutos, o jogo começou a ficar bastante equilibrado, com muita disputa no meio de campo. As melhores jogadas dos dois times foram criadas pelas laterais. Foi assim que surgiu mais uma chance de perigo para o Vasco. Faltando um minuto para o fim do primeiro tempo, Jhon Cley cruza para a área e no bate e rebate, a bola sobra para Gilberto, que chuta na trave! 

image
Guiñazu fez mais uma partida sem erros - Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Biancucchi marca golaço, e Vasco garante segunda vitória no Brasileiro

O Vasco voltou para o segundo tempo com boa posse de bola e marcando bem o Avaí. O time de Florianópolis apostou no contra-ataque e não quis arriscar muito ofensivamente. Se  no primeiro tempo, o clube carioca começou com um ritmo alucinante, na segunda etapa, o panorama não mudou. As 6 minutos, Riascos recebe bem perto da área, mas é derrubado por Antônio Carlos. A falta perigoas foi cobrada por Anderson Salles, que com muita categoria, colocou a bola no ângulo esquerdo de Vagner, acertando a trave. 

Se a retranca estava difícil de ser furada, o talento resolveu aparecer. O técnico Celso Roth fez mudanças ousadas para dar mais ofensividade e qualidade ao setor defensivo. Emanuel Biancucchi e Rafael Silva entraram nos lugares de Jhon Cley e Júlio César, respectivamente. O argentino, que ainda não tinha marcado pelo Vasco, resolveu desencantar. Aos 23, o conterrâneo Guiñazu rouba linda bola no meio de campo e entrega para o camisa 16, que acertou um chute perfeito e marcou um golaço, para delírio dos torcedores presentes em São Januário. Vasco 1x0 Avaí.

Logo após abrir o placar, o Vasco foi pressionado pelo Avaí, que tentou chegar de todo jeito ao gol de empate, mas sem sucesso. Julio dos Santos entrou ainda no lugar de Gilberto para controlar bem o meio de campo e cumpriu a sua tarefa. Final feliz para os vascaínos, que garantiram mais uma vitória no Campeonato Brasileiro. 

No fim de jogo, Rafael Silva e Antônio Carlos ainda receberam cartões vermelhos e foram expulsos.

FICHA TÉCNICA – VASCO 1X0 AVAÍ

Local: São Januário
Árbitro: Marcos Andre Gomes da Penha (ES) 
Auxiliares: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Vanderson Antonio Zanotti (ES)
Público pagante: 7.333 / Presente: 8.008
Renda: 170.000,00
Cartões amarelos: Christianno, Lucas e Rodrigo (Vasco) / André Lima (Avaí)
Cartões vermelhos: Rafael Silva (Vasco) / Antônio Carlos (Avaí)
Gol: Emanuel Biancucchi (23/2T)  
VASCO: Charles, Madson, Rodrigo, Anderson Salles e Christianno; Guiñazu, Lucas, Júlio César (Rafael Silva) e Jhon Cley (Emanuel Biancucchi); Riascos e Gilberto (Julio dos Santos). Técnico: Celso Roth
Avaí: Vagner, Nino Paraíba, Antonio Carlos, Emerson e Romário; Eduardo Neto, Renan, Juninho (Everton Silva) e Pablo (Denner); André Lima (William Rocha) e Romulo. Técnico: Gilson Kleina. 

Comente essa notícia

Videos

Bastidores | Fluminense 0 x 1 Vasco | Brasileirão 2018

desenvolvido por: