1999 - Vasco conquista o Torneio Rio-São Paulo

Após conquistar o tricampeonato brasileiro, em 1997; a Libertadores e o Carioca , em 1998 - ano de seu centenário –, o Vasco levantou a taça do Torneio Rio-São Paulo, em 1999, consolidando-se como um dos clubes mais vitoriosos da década de 1990.

Ao todo foram disputados nove jogos. O Vasco ganhou seis, empatou um e perdeu duas vezes: aproveitamento de 66,7%. Segundo colocado do Grupo A (o Santos foi o primeiro, o Palmeiras, terceiro, e o Fluminense, quarto), o Vasco enfrentou o São Paulo na semifinal. Após perder o jogo de ida, no Morumbi, por 3 a 2, o Gigante da Colina venceu por 3 a 1, no Caldeirão, e seguiu rumo à final.

A decisão com o Santos foi um passeio. No primeiro jogo, mesmo com um jogador a menos (Nasa foi expulso), o Vasco não tomou conhecimento do adversário e, no Maracanã com mais de 80 mil torcedores, sapecou 3 a 1 no Peixe. Na partida de volta, outra bela exibição e nova vitória (2 a 1), desta vez no Morumbi. Foi o terceiro e último título do Rio-São Paulo conquistado pelo Vasco.

Time base: Carlos Germano, Zé Maria, Odvan, Mauro Galvão e Feli­pe; Nasa, Paulo Miranda, Juninho e Alex Oliveira; Donizete e Guilherme. Técnico: Antônio Lopes.

A Campanha: 9 jogos, 6 vitórias, 1 empate, 2 derrotas, 22 gols pró e 13 gols contra.

As finais:

JOGO DE IDA
28/fev

VASCO 3 x SANTOS l
Local: Maracanã (Rio de Janeiro);
Juiz: Paulo César de Oliveira (SP);
Renda: R$ 695 500;
Público: 81 421;
Gols: Mauro Galvão 16 e Alessandro 20 do 1°; Ju­ninho 21 e Zezinho 26 do 2°;
Cartão amarelo: Gustavo, Odvan, Paulo Miran­da e Felipe;
Expulsão: Sandro e Nasa
VASCO: Carlos Germano, Zé Maria, Odvan, Mauro Galvão e Felipe; Paulo Miranda (Wagner), Nasa, Juninho e Ramón (Alex); Donizete (Zezinho) e Luizão.
Técnico: Antônio Lopes
SANTOS: Zetti, Ânderson, Argel, San­dro e Gustavo (Michel); Marcos Bazílio, Claudiomiro, Caico (Élder) e Jor­ginho (Rodrigão); Alessandro e Viola.
Técnico: Emerson Leão

JOGO DE VOLTA
3/mar

SANTOS l x VASCO 2
Local: Morumbi (São Paulo);
Juiz: Cláudio Vinícius Cerdeira;
Renda: não divulgada;
Público: 32 495;
Gols: Zé Maria 46 do 1º; Alessandro 30 segundos e Juninho 29 do 2°;
Cartão amarelo: Zé Maria, Ânderson, Ramón e Vágner
SANTOS: Zetti, Ânderson (Camanducaia) (Michel), Argel, Sandro e Gus­tavo; Claudiomiro, Marcos Bazílio, Jor­ginho e Caíco; Alessandro e Viola (Ro­drigão).
Técnico: Emerson Leão
VASCO: Carlos Germano, Zé Maria, Odvan, Mauro Galvão e Felipe; Paulo Miranda, Nasa, Juninho (Henrique) e Ramón; Donizete (Vágner) e Luizão (Zezinho).
Técnico: Antônio Lopes

Videos

Bastidores | Vasco 2 x 0 São Paulo | Brasileirão 2018

desenvolvido por: